autores


5 motivos para pensar em Conrad como um escritor polonês

Grande nome da literatura inglesa, Joseph Conrad nasceu na Polônia. Não é reconhecido como um escritor polonês, e em sua obra poucos elementos relacionados à Polônia são aparentes. Aqui, 5 motivos para pensar em Conrad também como um escritor polonês. Trechos retirados e traduzidos de artigo escrito por Mikołaj Gliński para o site Culture.pl. Na foto de abertura, Joseph Conrad e sua prima Aniela Zagórska, a tradutora responsável por passar a maior parte de sua […]


Sobre Conrad

A Ubu fez uma seleção de notórios celebrando Joseph Conrad, autor de alguns dos grandes clássicos da literatura inglesa. Transcrições de falas sobre Conrad e sua obra ou de trechos que explicam a influência do autor no trabalho de grandes escritores. “Porque Conrad tinha um dom, porque era autodidata, e sua obrigação com uma língua estranha e em geral valorizada mais por seus aspectos do latim do que por aqueles do saxão era tamanha que […]


Pussy Riot na mídia

Com dois shows no Brasil e o lançamento, pela Ubu, do livro Um guia Pussy Riot para o ativismo, de Nadya Tolokonnikova, a banda punk ganhou destaque nos maiores veículos de comunicação brasileiros. A Ubu selecionou algumas das matérias. Amanda Capuano para a Veja: Entrevista realizada com Nadya Tolokonnikova, na qual a ativista fala, entre outras coisas, sobre seu livro recém-lançado, e dá conselhos às feministas brasileiras, “que estão enfrentando uma maré ultraconservadora no governo”. […]


Ai Weiwei no Brasil e sobre o Brasil

Exposição viajará o Brasil   Datas confirmadas: BELO HORIZONTE – 5 de fevereiro a 15 de abril de 2019 (CCBB) RIO DE JANEIRO – de 20 de agosto a 4 de novembro de 2019 (CCBB)   Entrevista inédita no livro da Ubu A Ubu tem em catálogo um livro sobre a obra do chinês Ai Weiwei. Nele estão duas entrevistas feitas com o artista pelo curador Marcello Dantas. Uma durante sua estadia no Brasil, em 2018, […]


Prefácio de Arqueologia da violência, por Bento Prado Jr.

Republicamos aqui o prefácio escrito por Bento Prado Jr. para o livro Arqueologia da violência, de Pierre Clastres, no qual o autor comenta as principais ideias e o impacto de Clastres.     Prefácio A outrem, mais competente, caberia a tarefa de apresentar e analisar de forma sistemática a obra de Pierre Clastres, parcialmente conhecida pelo leitor brasileiro, graças à tradução de seu livro A sociedade contra o Es­tado1. Outro é o propósito desta breve […]


Massagem???

O meio é a massagem, de Marshall McLuhan e Quentin Fiore, além de relevante às ciências da comunicação, o livro é um marco para o design editorial. Muito se fala sobre seu título, que causa alguma estranheza pela quebra de expectativa que a palavra “massagem”, no lugar de “mensagem”, gera. Há quem acredite que o termo “massagem” foi escolhido porque o livro se propõe a ser um inventário dos efeitos que a mídia tem sobre […]


9 poemas curtos de Bruno Brum

Bruno Brum A� um dos 27 nomes que aparecem na antologia de poesia engraA�ada da Ubu, organizada por GregA?rio Duvivier. Esta postagem A� para apresentar um pouco mais do trabalho do poeta, que tambA�m A� designer grA?fico, nascido em Belo Horizonte, e jA? conta com 4 livros prA?prios publicados: MA�nima ideia (2004), Cada (2007), Mastodontes na sala de espera (2011, vencedor do PrA?mio Governo de Minas Gerais de Literatura em 2010) e 20 sucessos (2016, […]


[RJ] 28/7 Juliano Garcia Pessanha na Flip 2018

Um narrador de gA?nero hA�brido e filosA?fico se encontrarA? com uma romancista portuguesa nascida em MoA�ambique que tratou de temas como o racismo e a gordofobia em seus livros, para discutir a escrita de si, os diA?rios e as memA?rias, o corpo e o desnudamento. O encontro de Juliano Garcia Pessanha, autor de Recusa do nA?o-lugar, e da escritora Isabela Figueiredo serA? na mesa 14, denominada Obscena, de tA?o lA?cida, naA�Festa LiterA?ria Internacional de Paraty […]