Ubu-Roi-a-cortada

09/03-30/04: Peça Ubu Rei, no Rio de Janeiro


Marco Nanini volta aos palcos com o clássico de Alfred Jarry, a peça Ubu rei, que foi referência para o nome da nossa editora (veja post de Por Que Ubu?). Apresentada pela primeira vez em 1896 e considerada o marco inicial do Teatro do Absurdo, a peça causou furor em Paris e foi cancelada logo após a estreia. Seu efeito, entretanto, foi duradouro: a repugnância, a falta de bom senso e a crítica à burguesia presentes no enredo foram grande fonte de inspiração para diversos escritores e artistas de peso. A obra, mais atual do que nunca, retrata um tirano bufão, que faz pensar no recém-eleito presidente dos Estados Unidos, Donald Trump (veja texto do nosso autor, Hal Foster, sobre isso). Ao lado do Pai Ubu representado por Nanini, estará Rosi Campos como Mãe Ubu, papel já interpretado por ela em 1985, na versão dirigida por Cacá Rosset.

 

A peça estreou no Rio de Janeiro em março e deve seguir na cidade até abril; após a temporada carioca, virá para São Paulo.

 

Para mais informações, visite o site oficial.

 

QUANDO: quinta a sábado às 21h e domingo às 20h.

ONDE: Oi Casa Grande — Av. Afrânio de Melo Franco 290, Leblon. 2511-0800. Rio de Janeiro.

 

Fonte da imagem de capa: Flashbak

 

livros relacionados

O Supermacho
Alfred Jarry

Untitled-1